quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Sonho... por Jéssica Santos



Noite fria, banida de qualquer esperança,
Mundo vazio, violento, desesperançoso.
Ruas vazias,
Casas a chorar.

Brisa suave trazendo fome e destruição,
Pobreza infinita.
Noites traiçoeiras, sem lua, sem estrelas,
Somente tristeza,
Casas a chorar.

Mas de repente
As trevas se tornam inundadas, afogam-se
Na escuridão, voltam a superfície
Que no amanhecer
O sol se levanta
Trazendo luz, paz e até alguns sorrisos
(Que quase se extinguiram).

Se abrem para um mundo novo, sem trevas
Casas a sorrir
Ruas com risadas,
Crianças a brincar, sem que se lembrem
que um dia viveram em um mundo de
Injustiças.

[Jéssica Santos, 14 anos]

2 comentários:

dayane 27 de outubro de 2010 20:33  

♥Muito lindo,mas realista.Beijos para todos!!!

Angels 27 de outubro de 2010 21:37  

poema muito bom mas como a Dayane falou Realista. um abraço a todos.

Postar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger.